Imagem e reputação: dois itens mais que básicos na construção de marcas e consolidação de marketing pessoal

Imagem X Reputação: Duas palavras bem conhecidas do nosso vocabulário, mas que às vezes, não demos a devida atenção a elas. Afinal de contas, você sabe o significado de cada uma?

por Daniela Santos, para outrosquinhentos.com*

Então, vamos lá: De acordo com o dicionário Aurélio online, “Imagem” nada mais é que a representação de uma pessoa ou uma coisa. Já a “Reputação” é um conceito obtido por uma pessoa a partir do público ou da sociedade em que vive. Traduzindo para o nosso dia a dia: Imagem é aquilo que você é – e reputação o que acham de você.

Portanto, minha gente, atitudes como educação, comportamento, postura, simpatia, e uma comunicação eficiente são primordiais na hora de fazer aquele marketing pessoal, mas vai além disso.

  • Redes sociais: Como você se apresenta nessas plataformas? Ok, rede social não é vida real, no entanto o bom senso tem de prevalecer. Faça uma autocrítica em relação às fotos exibidas em seu feed. Estabeleça suas metas e, a partir daí, atente-se a alguns estilos de fotografias postadas para que não te prejudique, dependendo de sua área de formação e atuação. Lembre-se de que não é proibido compartilhar, mas nestes casos opte por restringi-las apenas aos amigos mais próximos. Para perfis públicos prefira fotos mais profissionais e discretas;

  • Comunicação: Seja claro na sua comunicação frente a frente e online. Revise, antes de publicar um texto ou uma arte. Erros de português não são bem vistos e, fake news, menos ainda. Tome cuidado com opiniões referentes a temas polêmicos, afinal de contas somos responsáveis por aquilo que falamos, mas não pelo que o receptor da mensagem entende. Conteúdos ideológicos também merecem atenção: Não que você não tenha o direito de manifestar suas preferências e indignações, mas este posicionamento pode ser desfavorável dependendo de quem olhar seu currículo, na hora de uma eventual contratação;

  • Linguagem corporal: Conforme citado acima, caso o contato seja direto, olho no olho – observe sua postura, pois o corpo fala e- muito! As vestimentas, também. Explore looks e cores que conversem com seus objetivos (perfil da empresa, dos funcionários). E mais: A primeira impressão não é a que, necessariamente, fica, mas pense comigo: se você entrevistasse alguém mal educado, desagradável, desleixado você daria outra chance? Cuidado com este detalhe.

Imagem da Marca

Esses substantivos (Imagem X Reputação) não ficam restritos apenas ao seu pessoal. Se você tem ou pretende investir num produto ou serviço é importantíssimo que tenha consciência de como esses dois itens podem ser preponderantes para o sucesso de seu negócio e eu explico o porquê.

Há um propósito em sua ideia? Em caso afirmativo, há consistência entre seu discurso e suas ações (teoria e prática)?

  • Como você conversa com seus receptores por meio de seu site e outras plataformas digitais, apps?;

  • Você é ativo nessas redes? Responde quem tem curiosidade em saber o que oferece? Interage com essas pessoas? É muito importante;

  • Pessoas se conectam com pessoas. Seja empático e, se possível, crie vínculos com o consumidor;

  • Não foque em agradar todos. Escolha um nicho e tenha certeza: Sempre haverá público para cada segmento específico. Mesmo que seja um tema improvável, terá pessoas interessadas;

  • Conteúdo de qualidade é um critério a ser analisado por quem está buscando determinado serviço ou produto. Portanto, invista em qualificação e tenha seu diferencial;

E que fique claro, de uma vez por todas: Reputação se constrói ao longo do tempo. Infelizmente, é difícil de conquistá-la e fácil perdê-la. Seja persistente. Desse modo, reforço: comunicação é TUDO! Um baita investimento tanto em seu marketing pessoal quanto na expansão de seus ideais.

*Os textos dos colunistas são de responsabilidade de seus autores e não necessariamente expressam a opinião de outrosquinhentos.com



, , , ,