O seu negócio precisa passar pelo celular!

A pandemia acelerou algumas tendências digitais e forçou empresas a buscarem alternativas para se aproximarem mais dos clientes, já que o presencial precisou ser limitado

por Andreza Silva, para outrosquinhentos.com*

A partir de então, todos estavam nas redes sociais, alguns aproveitando do recurso para montar uma vitrine de soluções, outros entendendo o jogo do digital, empoderaram seus resultados com estratégias de marketing.

Quem você acha que se destacou?

Diante de muitas teorias e práticas que surgiram para quem quisesse sobreviver, mesmo num cenário de recessão, muitos empresários precisaram virar um expert (ou contratar um): humanização, diversificação de formatos, calendário editorial, identidade visual, arquétipos, lançamentos e a lista não para de crescer. E, de repente, nos vimos todos influenciadores ou produtores de conteúdo… mas é um negócio?


Leia também: Será que vale transformar sua ideia em um negócio?

Nesse quesito, muitas empresas falharam. Entenderam tudo errado e direcionaram todos seus esforços às redes sociais, esquecendo de alguns pontos importantes:

  • As redes sociais não são nossos negócios, portanto estamos “cultivando em terreno emprestado”. E quando elas acabarem?

  • Nossos negócios não se limitam a produção de conteúdo. Se de um lado algumas empresas fracassaram porque não utilizaram tais recursos, de outro, outras fracassaram porque só focaram nesse recurso.

  • Estar nas redes sociais, produzir conteúdo, estreitar relações com as pessoas é uma estratégia de marketing. Ou seja: uma estratégia para ser visto e lembrado pelos consumidores, mas há outras tarefas essenciais para sustentar o negócio.

Mas, como conciliar tudo para conquistar melhores resultados?

Primeiro, entenda que um negócio lucrativo é o resultado de um conjunto de táticas bem traçadas e bem executadas. Portanto, entenda qual é a sua entrega de valor e tudo o que precisa funcionar bem para que seus objetivos sejam alcançados.

Direcione esforços e recursos para todos os departamentos da sua empresa, porque só focar no marketing e não sustentar outras áreas irá arruinar seus resultados.

Acompanhe as tendências, mas aplique aquelas que estão alinhadas aos valores de seu negócio e, ao seu ver, serão mais assertivas para os resultados que pretende alcançar. Às vezes não é a dancinha que irá atrair o seu público, ok?

Lembre-se de apoiar o sucesso do seu negócio em 3 pilares: inovação, capacitação e gestão. O mercado está altamente competitivo e seus clientes e concorrentes cada vez mais informados, portanto, aprenda a criar valor para suprir necessidades e criar desejos.

Por fim, além de produtos e serviços sempre ofereça uma experiência inesquecível. Faça seu cliente ser fiel à sua marca, pois o bom e velho marketing boca-a-boca ainda existe e gera muitos resultados… e agora com o digital, esse pode superar limites geográficos e pode ser potencializado.

*Os textos dos colunistas são de responsabilidade de seus autores e não necessariamente expressam a opinião de outrosquinhentos.com
Quer ficar por dentro de tudo o que fazemos e receber nossas novidades primeiro? Faça parte da lista de Assinantes OutrosQuinhentos! É fácil, é rápido e é grátis! Envie QUERO para o nosso whatsapp (12) 99190 6677 ou clicando aqui.



, , , ,