Volvo Car Brasil tem crescimento recorde de 96% em 2018

Marca apresenta a segunda maior alta entre todas as fabricantes que atuam no Brasil. XC60 e XC90 lideraram suas respectivas categorias e colocaram a Volvo à frente também na venda de veículos híbridos plug-in

Da Redação

Com uma notória performance comercial, a Volvo Car Brasil terminou 2018 com 6.836 unidades comercializadas, um crescimento expressivo de 96% sobre as 3.496 vendas de 2017. Esse resultado aponta a segunda maior alta entre todas as marcas que operam no país.

Os números da fabricante sueca são emblemáticos, principalmente quando se verifica o desempenho do segmento premium, que cresceu 10% no ano passado. Com isso, a Volvo atingiu 13,9% de market share. As vendas em alta se intensificaram no segundo semestre, com mais de 1.000 unidades comercializadas sobre o resultado da Land Rover, tomando da fabricante inglesa o quarto lugar entre as marcas premium.

Foi durante esse mesmo período, mais especificamente em outubro, que a Volvo ultrapassou as vendas de todo 2011 (5.212), até então seu melhor ano desde que se estabeleceu no mercado nacional, em 1991.

A demanda crescente pelos veículos da marca foi puxada principalmente pelos SUVs. Um dos destaques foi o lançamento do XC40, utilitário esportivo de entrada da gama que, mesmo sem um ano completo de vendas – já que foi apresentado em abril – contabilizou 2.396 emplacamentos em 2018.

O carro mais vendido da história da fabricante sueca mostrou ainda mais força em sua categoria. Com a chegada da versão diesel em duas configurações e do motor híbrido na versão R-Design, o XC60 terminou o ano na liderança entre os SUVs médios com 2.917 unidades vendidas, alta de 24% ante 2017 (2.350 emplacamentos).

Outro veículo líder de sua categoria foi o XC90, com 877 carros vendidos em 2018. Esse número mostra um crescimento ainda mais robusto, de 65,8%.

O ano contou ainda com a chegada do sedã S90 e da station wagon V60, e deixou clara a acertada estratégia da marca em lançar no país modelos eletrificados. No ano passado, a Volvo comercializou 302 veículos híbridos plug-in, um salto de 134% quando comparado às 129 unidades de 2017. A linha designada por essa motorização é formada pelos modelos XC60 T8, XC90 T8 e S90 T8. Nenhuma outra marca vendeu tantos carros híbridos nessa configuração como a Volvo no mercado nacional.

Para o CEO Luis Rezende, os números mostram a boa aceitação pelo consumidor dos produtos da marca, mas refletem também o fortalecimento da rede de concessionários, que hoje conta com 35 pontos no país, e de programas que aumentam a experiência do cliente com a Volvo. “Oferecemos revisão com preço fixo até 150 mil km e a possibilidade de adquirir qualquer veículo com até quatro anos de garantia”, comentou. “Isso traz confiança ao consumidor e transparência na aquisição dos serviços de Pós-Venda, uma das razões para liderarmos, por exemplo, a venda de SUVs premium no Brasil”, concluiu o executivo.

, , , ,